O que acontece se uma pessoa cair em um buraco negro?

destaque

Já imaginou o que poderia acontecer se um dia você pulasse em um buraco negro? Descubra aqui qual seria o resultado dessa experiência caso uma pessoa decidisse se aventurar ou cair em um buraco negro
Se tem um assunto que causa polêmica no meio científico são os chamados buracos negros. Conforme ensinam por aí, eles se tratam de deformações no espaço-tempo – causada pelo colapso de uma estrela – , que resultam em um vácuo onde o tempo simplesmente para de existir e que se centro passa a exercer um intenso magnetismo, do qual nem matéria nem luz conseguem escapar, sendo “sugados” para seu interior. Tenso não?
Mais tenso ainda é pensar que tem gente por aí que já quis se aventurar por esses “precipícios” do espaço, vamos dizer assim. Aliás, você tem ideia do que aconteceria com um ser humano que, simplesmente, quisesse dar um pulo para conhecer o interior dos buracos negros ou que caísse sem querer em seu centro escuro?
Bom, muita coisa viria em consequência a esse ato impensado ou acidental, mas o que os cientistas garantem logo de cara é que ninguém sobreviveria a uma experiência assim. Primeiro, porque se a pessoa tentasse dar um passo no interior desse vácuo ela sofreria o mesmo efeito que acontece com a pasta de dentes, ao ser expulsa do tubo. Não entendeu? A gente explica.
1
Estudiosos garantem que o interior dos buracos negros e a região ao seu redor sofrem o mesmo fenômeno que causa as marés. Se, no caso, o buraco for do tamanho de nosso planeta, por exemplo, essas “ondulações” seriam ainda mais intensas, impedindo qualquer movimento voluntários do corpo.
Além disso, em um buraco negro do tamanho da Terra é provável que a atração gravitacional seria muito mais forte sobre a cabeça do “infeliz” que sobre seus dedos das mãos ou dos pés, por exemplo. Em consequência, o corpo dessa pessoa seria totalmente esticado e, à medida em que se aprofundasse ainda mais no vácuo, esse efeito só se tornaria mais intenso. Há quem diga que a tendência mesmo desse efeito seria transformar o indivíduo, praticamente, em um espaguete.
Mas se a preocupação é com a dor que esse alongamento corporal poderia causar, pode relaxar! Os cientistas garantem que ninguém sofreria por muito tempo… aliás, seria mesmo uma sorte se a pessoa sobrevivesse para ver o início desse efeito, já que imediatamente após o “mergulho” no buraco negro os átomos do cérebro humano começariam a dissociar!
2
No entanto, se o desejo do doido em questão é ter uma morte menos instantânea e nada convencional, ele poderia escolher “cair de cabeça” em um buraco negro muito maior, nesse caso do tamanho de nosso sistema solar.  Isso porque quanto maior a superfície desses ambientes, menos extremas elas são.
Assim, a pessoa manteria sua integridade estrutural e, acima de tudo, conseguiria sentir os efeitos da curvatura do espaço-tempo previstos pela teoria geral da relatividade. Então, ela veria o tempo passando lentamente, mesmo que sua queda (eterna, diga-se de passagem) estivesse acontecendo muito, muito, muito mais rápido, na velocidade da luz, para ser mais exato. De forma geral, tudo aconteceria como em uma “Fórmula 1″ ao seu redor, quanto as coisas para a pessoa “cadente” passariam lentamente e ela ainda poderia ver tudo que já teria caído nesse mesmo vácuo e tudo que ainda viesse a cair.
No fim, acaba sendo uma péssima ideia dar um mergulho assim, não é mesmo?


3

Postagens mais visitadas deste blog

[Download] 1ª à 6ª Temporada [FUTURAMA] - Dublado

[Download] To Aru Majutsu no Index 1ª e 2º [Temporada]